Dentição x Alimentação

Dentição x Alimentação: veja quais alimentos ajudam e quais atrapalham o sorriso!

Achei esse artigo super interessante para repensarmos mais uma vez na importância de incentivarmos nossos filhos com uma alimentação saudável.

Já imaginou que a saúde da boca também pode ser prejudicada pelo consumo de alimentos não muito indicados? E não estamos falando apenas da cárie (que já é algo bastante prejudicial!) e sim da dentição com um todo!

Alimentos podem beneficiar ou prejudicar a arcada dentária

Uma arcada dentária harmônica vai muito além de um belo sorriso! Os dentes influenciam diretamente em funções vitais, tais como mastigação, fala e respiração.

Desde a gestação, os dentes são influenciados pela alimentação, primeiro da mãe e, posteriormente da criança. Tudo o que comemos interfere no desenvolvimento da mandíbula e da arcada dentária.

Vejam alguns exemplos de alimentos “poderosos” que podem tanto ajudar quanto atrapalhar a dentição:

Vegetais Crucíferos:

São ricos em cálcio, mineral fundamental na fixação e na formação da arcada dentária

Exemplos: Brócolis, couve, couve-flor e mostarda.

Alimentos-Detergente:

Ajudam a limpar os dentes tanto pelo atrito com o esmalte quanto por conter nutrientes que estimulas a salivação e ajudam a proteger os dentes.

Exemplos: Maçã, pera, pepino, cenoura, nozes e alguns tipos de queijo branco.

Produtos com revestimento interno de alumínio:

Além de serem muito ácidas, possuem grandes concentrações de conservantes, que fazem mal aos dentes.

Exemplo: Suco de caixinha e bebidas enlatadas.

Alimentos industrializados:

Além de serem pobres em nutrientes e não estimularem a mastigação, muitos são ricos em açúcar, que, em excesso, também é nocivo aos dentes.

Exemplo: Congelados, enlatados e processados.

Fonte: Canguru

Alimentos podem beneficiar ou prejudicar a arcada dentária

Comentários

About Author