Como escolher o Pediatra

Não sei se dei muita sorte ou se foi Deus que enviou a Pediatra das meninas, mas ela é um verdadeiro Anjo!!!
Uma pessoa super competente, atualizada, disponível e humana!
Muitas pessoas me perguntam como escolhi essa profissional, como cheguei até ela…
Resolvi montar algumas dicas para vocês acertarem também!
Estou torcendo!!!
Faça uma avaliação da sua própria personalidade e do seu marido:
Pessoas mais amorosas preferem médicos mais delicados e simpáticos
Pessoas mais sistemáticas tendem a procurar médicos mais centrados, objetivos e resolutivos
Quando devo começar a procurar?
Acho o 2º trimestre de gestação o período ideal! A gestante ainda não está se sentindo tão cansada.
Stress de última hora não compensa! Você já vai ter muita novidade ao chegar com o bebê em casa. Será uma tranquilidade a mais já ter o pediatra definido.
Para quem pedir indicações?
Converse com parentes e amigos mais próximos e preferencialmente com estilos de vida próximos ao seu. No meu caso, foi o meu primo, que é médico, quem nos indicou nossa pediatra. Os filhos dele já passavam com ela.
Se tem algum médico conhecido, ou médico de família, procure uma oportunidade de conversar e pedir uma indicação.
Use a internet para complementar algumas informações sobre o profissional indicado
Devo levar em consideração a distância do consultório?
Acho que se o consultório for próximo facilita muito. Você pode até começar a procurar indicação dos pediatras perto de onde mora.
Procure saber se o profissional atende o seu plano de saúde ou o valor da consulta.
Caso o profissional não atenda convênios é importante checar com o seu plano se existe a possibilidade de um reembolso e qual o valor reembolsado.
Considero muito importante também observar alguns detalhes e fazer algumas perguntas no primeiro contato:
– Observe o consultório:o ambiente é agradável, tem brinquedos, livrinhos infantis
– A secretária é gentil/atenciosa (ela que irá arrumar um encaixe quando você precisar de alguma consulta mais urgente!!!)
– O médico tem paciência com a criança?
– Sabe ouvir e explicar de forma simples?
– Atende em hospitais? Quais?
– Faz sala de parto?
– A agenda dele coincide com a sua (dias e horários)
– Atende celular? Responde emails ou Whatsup?
– Quando tira férias, tem algum substituto?
– Vocês tem opiniões comuns em relação a amamentação, imunização, etc…
Comentários

About Author