Temos o maior emprego de nossas vidas: somos mães!

10/04/2017

comente

Exposição solar – Cuidado! Por Dra. Sabrina Talarico

Colaboradores

Gente o tema de hoje é super sério pois envolve um grande risco à saúde da família! Nada melhor do que uma super dermatologista para falar dos cuidados que devemos tomar com a exposição solar.

Você lembra de passar o filtro solar no seu filho antes de sair de casa? Mesmo quando o dia está frio ou nublado?

A Dra. Sabrina irá falar sobre a importância desses cuidados desde cedo!

Boa leitura!

Beijos!

Você sabia que a incidência dos cânceres de pele representa 25% de todos os cânceres possíveis, ficando assim em primeiro lugar? E que os números vêm aumentando? E que mesmo aquela queimadura da infância pode representar um risco aumentado?

Seu aparecimento depende de uma predisposição geneticamente determinada somada a fatores ambientais, e aqui a exposição solar ganha destaque!

O Brasil tem grande parte do seu território entre a linha do equador e o trópico de capricórnio fazendo dele um dos países com maior insolação do mundo! Este fato somado a enorme miscigenação não permite que possamos adotar simplesmente conceitos de fotoproteção construídos em outros países. Pensando nisso a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) desenvolveu o consenso brasileiro de fotoproteção.

Os efeitos danosos do sol podem ser divididos em agudos e crônicos. Os agudos incluem as queimaduras (ficar ardido, descascar, aparecimento de bolhas e até sintomas sistêmicos como febre e mal estar). Os principais efeitos crônicos são o envelhecimento precoce (manchas, rugas, perda de firmeza, alterações de textura) catarata e os cânceres de pele.

Existem dois grandes grupos :

  1. Câncer de pele não melanoma: representa a imensa maioria, felizmente são menos agressivos! Apesar disso a própria lesão ou o tratamento necessário podem produzir deformidades estéticas e/ou alterações funcionais importantes que podem impactar bastante a qualidade de vida. São muito relacionados à exposição crônica e continuada (indivíduos que trabalham diariamente expostos por exemplo)
  2. Melanoma: Tem baixa incidência, mas alta letalidade por sua rapidez na evolução e na formação de metástases. Quando já avançado responde pobremente a quimioterapia, por isso a melhor chance que temos é na prevenção e diagnóstico precoce! O melanoma é mais associado à exposição aguda e intensa (ficar ardido todo verão por exemplo).

O sol que tomamos no início da vida pode impactar de forma crucial o surgimento de câncer de pele na vida adulta. As crianças são muito mais receptivas as informações preventivas. Introduzir hábitos de fotoproteção desde cedo pode modificar comportamentos e até influenciar a posição dos adultos!

É portanto nosso papel ampliar a consciência dos danos solares e divulgar/adotar um comportamento de proteção!

– Fotoprotetores tópicos: Ponto central, mas não único, deste comportamento é o uso do filtro solar! Ele é pode ser usado a partir dos 6 meses de idade, recomendamos o uso diário (mesmo em dias nublados) do produto com FPS de pelo menos 30 e com proteção UVA associada. Em situação de maior exposição (praia, piscina, parque ou longos períodos ao ar livre onde quer que seja) o ideal e reaplicar o produto a cada 2-3 horas ou após períodos de imersão na água. As quantidades ideais estão ilustradas na imagem que segue.

– Fotoproteção oral: Servem para reduzir o dano celular causado pelo sol, como mais uma arma, nunca usados isoladamente o em substituição ao protetor tópico!

– Fotoproteção mecânica: Uso de roupas, chapéu e óculos escuros… é bastante útil por ser uma proteção uniforme e constante, particularmente interessante para as crianças. Hoje existem produtos que incrementam as fibras com substâncias aumentando a proteção do tecido.

– Medidas gerais: Evitar a exposição solar das 10:00 as 15:00, buscar áreas com sombras. Sempre que surgir alguma lesão suspeita (pintas que aumentam de tamanho, muito escuras ou de diversas cores, muito grandes, com sintomas como coceira, dor, sangramento, ou feridas que não cicatrizam) procurar um dermatologista credenciado pela SBD.

Dra. Sabrina Talarico

Graduada pela Faculdade de Medicina de Santo Amaro

Especialização em clínica médica e dermatologia pela PUC Campinas

Especialização em Dermatologia Avançada pela UNIFESP

Preceptora na unidade de Cosmiatria, Cirurgia e Oncologia da UNIFESP

Fellow pelo Hospital da universidade de Miami (foco em cirurgia dermatológica, laser e tecnologias).

Clínica Talarico:

www.talaricodermatologia.com.br

Telefone: (11) 5579-9331

Instagram: @talaricodermatologia

Facebook: talarico dermatologia

 

 

 

Promovida @ Mãe

0    comentários
2  AMEI!

3/04/2017

comente

Método Canguru – Atenção Humanizada ao Recém-nascido de baixo peso (Por Karina Lara)

Colaboradores

Oie gente!

Já ouviu falar no método canguru?

Hoje a fisioterapeuta e assessora materna Karina Lara vai contar sobre a importância deste método, principalmente para bebês prematuros.

Boa leitura!

Beijos

075287bbe67481d05762aec875f70cf1

Eu sempre fico emocionada ao falar desse assunto, pois vivenciei a experiência por 10 anos no contato diário com bebês e suas mães em uma Unidade Neonatal. As demandas maternas e suas histórias transformaram meus questionamentos e estudos em minha dissertação de Mestrado. Vamos ao Método Canguru!

A atenção humanizada e de qualidade ao prematuro e sua família é preconizada pelo Governo Federal e se firmou oficialmente através da criação do Método Canguru. A mudança na forma do cuidado neonatal proposta por este método está baseada na promoção do contato pele a pele, no respeito às individualidades, na promoção do aleitamento materno e no envolvimento da mãe nos cuidados com o filho.

Muitas pessoas conhecem o Método Canguru porque já utilizaram ou já viram alguma vez uma mamãe com o bebê no colo, na posição canguru (o bebê em contato pele a pele na posição vertical sobre o tórax, junto ao peito da mãe, do pai ou outro familiar). Porém, o Método é muito mais do que o posicionamento, ele é amplo e abrange três etapas. A primeira etapa é realizada na unidade neonatal, com orientações e estimulação da presença dos pais e participação nos cuidados com o recém-nascido. A posição canguru é proposta sempre que possível e desejada. A segunda ocorre na enfermaria Canguru, onde o bebê permanece de maneira contínua com a mãe. A posição canguru é realizada por tempo indeterminado, sempre que seguro e agradável para a dupla mãe-bebê. O acompanhamento ambulatorial da criança e da família acontece na terceira etapa, após a alta hospitalar.

O programa pretende não apenas favorecer a melhora e manutenção da saúde do recém-nascido prematuro, mas também incentivar a formação do vínculo entre a mãe e o bebê. O Método aposta na aproximação cotidiana da mãe com o bebê, no contato físico (pele a pele) de forma gradual, crescente e seguro, no estímulo à amamentação e participação nos cuidados diários como elementos que reforçam o envolvimento afetivo precoce e os papéis de cuidado com os filhos concentrados principalmente no desenvolvimento da maternagem prazerosa.

Lamy e colaboradores (2008) realizaram um estudo comparando dezesseis unidades que possuíam ou não a segunda fase do Método Canguru, foram incluídos 985 recém-nascidos pesando entre 500 e 1.749g. Eles verificaram que as unidades canguru tiveram desempenho nitidamente superior em relação ao aleitamento materno exclusivo na alta (69,2% versus 23,8%) e aos 3 meses após a alta, menores percentuais de reinternação (9,6% versus 17,1%). Os autores concluíram que a estratégia de humanização adotada pelo Ministério da Saúde é uma alternativa segura ao tratamento convencional e uma boa estratégia para a promoção do aleitamento materno.

Portanto, compartilho com vocês, essa importante ferramenta adotada pelo Ministério da Saúde, que favorece o empoderamento das mamães e estreita a relação do cuidado materno, assim como promove o aleitamento materno. Vamos divulgar!

Brasil, Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Área de Saúde da Criança. (2009). Atenção humanizada ao recém-

nascido de baixo peso: Método Canguru. Brasília: Ministério da Saúde.

Lamy Filho F, Silva AA, Lamy ZC, Gomes MA, Moreira ME; Grupo de Avaliação do Método Canguru; Rede Brasileira de Pesquisas

Neonatais. Evaluation of the neonatal outcomes of the kangaroo mother method in Brazil. J Pediatr (Rio J). 2008;84(5):428-435

 

Karina Lima Lara

Fisioterapeuta e Assessora Materna da Mami Care

www.mamicareassessoria.com

Instagram: @mamicare

Facebook: Mamicare

E-mail: contato@mamicareassessoria.com.br

Telefone:(11) 99613-8984

Promovida @ Mãe

0    comentários
3  AMEI!

27/03/2017

comente

Dicas da Nutri – Por Dra. Andrezza Botelho

Colaboradores

Oi pessoal! Tudo bem?

Hoje nossa colaboradora e nutricionista Dra. Andrezza Botelho vai dar dicas que podem fazer muita diferença na saúde e bem-estar.

Alimentos que são fáceis de encontrar e consumir e vão ajudar a dar um up.

Boa leitura.

Beijos

cea5c2157cfd48d53df84a21bd00cb7c

– Hidratação: para conseguir se hidratar não podemos ter sede, ou seja, já é um sinal de desidratação. Precisamos tomar goles intermediários ao longo do tempo. Nenhum líquido substitui a água até pela composição química. Uma forma agradável de beber água colocar numa jarra e acrescentar hortelã, pepino, coentro, alecrim.

– Uma dica para ajudar a derrubar a pressão arterial elevada é o consumo de alimentos fontes de potássio como banana, laranja, água de coco, abacate, rúcula. Lógico que é importante reduzir as pitadas de sal principalmente de adição. O potássio promove um aumento na elasticidade da parede das artérias.

– Alho e cebola: propriedades antibacterianas e antivirais. Para ajudar a reduzir pressão arterial o alho deve ser consumido cru, pois a alicina (substancia presente no alho com essa propriedade) é volátil, ou seja, perde suas propriedades quando exposta ao calor. Para driblar o odor poderá ser consumido com ervas como hortelã.

– Abacaxi: ajuda a prevenir a prisão de ventre por conter muitas fibras. Além de ser rico em vitamina C, nutriente que protege contra radicais livres, moléculas que desestabilizam o organismo causando flacidez, tumores, entupimentos de artérias. Essa fruta também é indicada como uma excelente sobremesa, pois facilita a digestão por conter bromelina uma enzima capaz de quebrar as proteínas dos alimentos.

– Abobrinha: legume aliado ao emagrecimento. Lotada de água não é nem um pouco engordativa. Ajuda no relaxamento muscular por ser rica em magnésio e rica em acido fólico importante por evitar malformações fetais.

– Sementes de abóbora: vocês jogam as sementes fora? Não façam mais isso. Elas ajudam a reduzir o colesterol, possuem propriedades anticancerígenas, ricas em Omega 3, vitamina E, magnésio e folato nutrientes importantes para saúde do coração. Dica: tostá-las em uma frigideira pré aquecida e use as em salada, arroz, assados ou como um lanche da tarde. O ideal é conservar em um recipiente bem fechado longe de lugar quente. Mastigue as bem.

– Goiaba: Uma fruta rica em licopeno nutriente que combate o aparecimento de tumores, além de fonte de vitamina C que por ser antioxidante evita mutações celulares. Também rica em fibras solúveis capazes de diminuir os níveis de colesterol.

– Alface: excelente para acalmar os ânimos; excelente para insônia e para saúde dos ossos por ser rica em vitamina K nutriente essencial para coagulação sanguínea. Uma pesquisa America concluiu que mulheres que comeram mais alface tiveram uma redução de 45% de probabilidade de quebrar algum osso que sangra ao se partir.

dra.andrezza

Andrezza Botelho – Nutricionista funcional Pós graduada em estética e cosmetologia.

Proprietária e diretora científica da Clínica Andrezza Botelho Nutrição e Bem Estar.

Tel: (011) 50821598

Instagram: @drandrezzabotelho

Promovida @ Mãe

0    comentários
3  AMEI!

clique aqui para carregar a versão desktop

© promovida @mãe - Todos os direitos reservados | DESIGN: my wishes gallery | programação: webonfocus

Muitas das imagens aqui divulgadas não são de nossa autoria. Se alguma foto for sua e você desejar que
ela seja creditada ou removida, por favor entre em contato. Obrigada. contato@promovidaamae.com.br

já curtiu a nossa fanpage?
siga o nosso instagram:
@promovidaamae

© promovida @mãe - Todos os direitos reservados | DESIGN: my wishes gallery | programação: webonfocus

Muitas das imagens aqui divulgadas não são de nossa autoria. Se alguma foto for sua e você desejar que
ela seja creditada ou removida, por favor entre em contato. Obrigada. contato@promovidaamae.com.br