Bronquiolite

Bronquiolite é algo muito sério! Principalmente em Recém Nascidos.
E como a Bronquiolite acontece com frequência principalmente no Outono e Inverno, achamos que seria interessante passar algumas informações importantes!
Para isso, pedimos para a Fisioterapeuta Luciana Horta nos contar um pouco sobre essa patologia.
A Lú é especialista em Fisio Respiratória em UTI neonatal.
Beijos!
As infecções respiratórias aparecem com mais frequência nos meses do outono e inverno. A bronquiolite viral afeta geralmente crianças menores de 2 anos de idade, com um pico de idade de 3 a 6 meses. É uma doença comum e, às vezes, grave. O vírus sincicial respiratório (VRS) é a causa mais comum. Mais da metade de todas as crianças são expostas a este vírus até o seu primeiro ano de vida. Por isso devemos ter muito cuidado com nossas crianças nessa época, evitando aglomeraçoes e locais fechados!
Você pode pegar o vírus se você entrar em contato direto com fluidos nasais ou gotículas no ar de alguém que tem a doença. Isso pode acontecer se a pessoa espirrar ou tossir perto de você.
A bronquiolite começa como uma leve infecção respiratória superior (resfriado), com coriza, redução do apetite, febre baixa ou ausente e irritabilidade! Durante um período de 2 a 3 dias, a criança desenvolve mais problemas respiratórios, incluindo chiado e tosse asmática “apertada”. Posteriormente, a criança apresenta respiração rápida (taquipnéia), falta de ar, tosse produtiva e esforço para respirar.
A maioria dos casos leves e moderados podem ser tratados sem internação, com medidas como repouso, boa hidratação, aleitamento materno, limpeza e inalaçao com soro fisiológico, elevação da cabeceira do berço ou cama e antipireticos em caso de febre! Nos casos em que há necessidade de hospitalização as crianças podem necessitar de tratamento com oxigênio e hidratação venosa, alem de técnicas de fisioterapia respiratória para facilitar o descolamento das secreções retidas!
A maioria dos casos de bronquiolite não são fáceis de evitar porque os vírus que causam a doença são comuns no meio ambiente. A Lavagem cuidadosa das mãos, especialmente em torno dos bebês, pode ajudar a prevenir a disseminação de vírus respiratórios.
Comentários

About Author