06 dicas para engravidar

 Montei esse post com muito carinho para as nossas queridas tentantes… Sei que essa expectativa para engravidar faz parte dessa fase de vida, mas muitas vezes atrapalha e atrasa o processo… Portanto listei algumas dicas que podem facilitar esse momento tão esperado da vida da mulher!
Graças a deus, consegui engravidar super rápido das minhas meninas, mas confesso que usei um truque ou outro!
Espero que as dicas ajudem!!! E não se esqueçam de curtir muito as tentativas com os maridos/parceiros…
Beijos

1- Prepare o seu corpo e sua vida:
– Procure o seu ginecologista e converse com ele sobre a sua vontade de engravidar.
– Provavelmente o seu médico indicará comprimidos de ácido fólico deveram ser tomados diariamente (o ideal é começar a tomar 3 meses antes de engravidar)
– Mantenha o check up da sua saúde em dia
– Verifique juntamente com o seu médico se o seu cartão de vacinação está em dia
– Procure cortar o uso de bebidas alcoólicas, cigarros e drogas (além de interferirem de forma negativa no processo de engravidar, eles são super prejudiciais para a saúde da mãe do bebê).
– Reduza o consumo de cafeína (até 2 xícaras por dia)

2- Peça para o seu parceiro também se preparar:
(sei que convencer os homens a ir ao médico e fazer exames é quase um parto…).
– Cortar o álcool (o álcool no organismo masculino reduz o nível de testosterona, baixa a contagem dos espermatozoides e aumenta o número de células defeituosas).
– Guerra ao cigarro (o fumo pode diminuir o número de espermatozoides)
– Ingerir mais alimentos ricos em Zinco, Ácido Fólico, Cálcio e Vitaminas C e D (esses alimentos ajudam a produzir espermatozoides fortes e velozes).
– Evitar banhos muito quentes, saunas e laptops no colo (o calor elimina os espermatozoides).
– Evitar andar de bicicleta por longos períodos

3- Descubra quando você está ovulando:
– Se o seu ciclo é regular, fica mais fácil calcular o seu período fértil e o provável dia da ovulação.
– Hoje em dia existem vários aplicativos que podem auxiliar no cálculo (veja post aqui)
– Fala-se que quando você está ovulando você libera um muco claro tipo “clara de ovo” (eu ficava bem atenta a esse sinal… rsrsr). Esse é o chamado muco cervical.
– A Fefa quase pirou com um método para detectar a ovulação (vai falar em breve)
– De qualquer forma, é sempre válido conversar com o seu médico para saber melhor como proceder.

4- Dê uma margem de dias…
– Uma vez que você consegue estimar a data da sua ovulação, prepare-se para ter relações sexuais durante o seu período mais fértil. Vocês podem começar 3 dias antes e continuar até depois da data prevista.
– Os espermatozoides conseguem sobreviver dentro do seu corpo por alguns dias, já o óvulo só sobrevive cerca de 1 dia.
– Caso o seu ciclo não seja regular ou você não esteja conseguindo calcular o provável dia de ovulação, siga a velha e boa regra de manter relações sexuais dia sim e dia não. Assim todos os dias você terá um estoque de espermatozoides preparados para entrar em ação quando o óvulo aparecer!!!

5- Permaneça deitada depois do sexo:
– Ficar deitada pode ajudar os espermatozoides a cumprir o seu papel.
– Não precisa ficar com a perna para cima. Ficar deitada de lado por uns 15 minutos já é o suficiente.

6- Tente curtir o momento:
– Quando você fica estressada, o Hipotálamo (glândula no cérebro que regula os Hormônios da ovulação) não funciona tão bem… Ele pode atrasar a liberação do óvulo ou até mesmo nem liberá-lo durante aquele ciclo.
– Tente aproveitar ao máximo essa overdose de sexo!!! Apimente a sua relação e lembre-se que todas as posições são igualmente eficientes!!

 

Comentários

About Author

2 Comentários